CINCO fatos sobre Lisboa que nem os lisboetas sabem

Como em todos os lugares, Lisboa tem alguns segredos, mistérios, histórias e curiosidades. Desde doces famosos, a utilização do termo ‘alfacinha’ para falar de alguém, vou te revelar CINCO curiosidades sobre a capital portuguesa que nem todos os lisboetas sabem.

A Torre de Belém, uma das marcas registradas do país e tombada pela Unesco já foi uma prisão. A famosa torre foi construída na Era dos Descobrimentos como uma obra militar estrategicamente posicionada de onde se avistava quem entrava no rio Tejo (e consequentemente na cidade) vindo do mar. Mas o que muita gente não sabe, é que ela foi utilizada como prisão política durante a Guerra dos Liberais, no século XIX.

O fim da tarde mostra a imponência da Torre de Belém

Lisboa nem sempre foi a capital de Portugal, pois quem detinha este título era a pequena cidade no norte do país – Guimarães. Localizada perto da cidade do Porto, Guimarães foi a primeira capital do país, desde a sua designação no século XII. Foi lá também que nasceu o primeiro rei de Portugal. No centro histórico da cidade há uma muralha com os dizeres ‘Aqui Nasceu Portugal’. O fato é que a cidade tem um belo castelo do século X e dezenas de edifícios espetaculares que merecem uma visita.

Depois de Guimarães, a capital do país se tornou a famosa cidade estudantil de Coimbra, função que a cidade desempenhou por exatos 100 anos. Depois deste período, Lisboa se tornou a capital de Portugal, com exceção do período de 13 anos durante o século XIX em que a capital foi a cidade brasileira do Rio de Janeiro.

O centro histórico de Guimarães e a muralha milenar

Quem nasce em Lisboa é chamado de Lisboeta e Alfacinha, pois acredita-se que esse apelido, de alfacinha veio de quando não havia muita comida e que os lisboetas tinham basicamente vegetais para a sua alimentação. Entre eles, a alface se tornou o mais consumido e favorito. É uma forma carinhosa de se chamar um lisboeta.

Lisboetas ou alfacinhas, chame como quiser

Lisboa tem uma das menores livrarias do mundo, além de ter a mais antiga, inaugurada em 1732. Mas a menor fica na fronteira entre a Baixa e Alfama, nas Escadinhas de São Cristóvão. Vale a pena visitar esse espaço minúsculo, onde cabem pouco mais de duas pessoas, mas com mais de quatro mil livros à venda.

A pequena livraria do Simão (Foto: taylorsblog)

Uma das receitas mais secretas do mundo está em Lisboa, os famossíssimos e deliciosos Pastéis de Belém. O doce, fabricado no memo local, em Belém desde 1837 é reproduzido em todo o país e não pode levar no nome de pastéis de Belém, mas sim pastéis de nata. O fato é que a fabricação dos originais, os Pastéis de Belém, é feita por módulos, onde os confeiteiros só sabem a sua parte da receita. Apenas TRÊS pessoas no mundo sabem a receita completa. Grande segredo que já rendeu matérias de televisões do mundo inteiro.

Impossível resistir não é mesmo?

Então, quer desvendar esses segredos de Lisboa conosco? O Portugal Afora te mostra tudo isso e muito mais nos passeios que fazemos.


Role para cima